ALT + 1

Ir para o conteúdo

ALT + 2

Ir para o menu

ALT + 3

Ir para o rodape

Tamanho do texto:

ALT + 4

A

+

|

ALT + 5

A

-

ALT + 6

Contraste1

ALT + 7

Contraste2

Processo Seletivo | Faça sua prova on-line | Matricule-se ainda esta semana para 2020/02 e ganhe
um chip VIVO com 20GB/mês*

*CONSULTE O REGULAMENTO

Inscreva-se!

Apresentação

(NOVO) Pedagogia Hospitalar

DuraçãoModalidadeUnidades
12 mesesA distânciaMemorial, Santo Amaro, Vergueiro, Vila Maria, Vila Prudente e nos polos EAD
Aguardando inscrições
Aguardando inscrições

O curso amplia as possibilidades de trabalho para o pedagogo, inserindo-o no ambiente hospitalar, em casas de apoio ou afins.

O trabalho do pedagogo frente às classes hospitalares supre a necessidade do educando, quando esse encontra-se impossibilitado de frequentar a escola durante o período de tratamento de saúde ou de assistência psicossocial. É uma nova realidade de atuação, pois envolve saberes em prol da vida. Portanto, o profissional que pretende atuar na educação hospitalar necessita de uma formação diferenciada para desenvolver propostas pedagógicas flexíveis, tendo em vista o acompanhamento do desenvolvimento e da aprendizagem da criança e adolescente hospitalizado.

O curso aborda questões teóricas e práticas, sobre Ludopedagogia, Psicologia da Morte, Aspectos legais das Classes Hospitalares, Estruturas Psicológicas da relação paciente-família-escola; Psicomotricidade, Educação Inclusiva, Psicologia do desenvolvimento da criança e do adolescente e muito mais.

A crescente necessidade de atender crianças e adolescentes em fase escolar, mas que não podem frequentar a escola por estarem enfermos, abre campo para um profissional especializado em suprir essa demanda: o pedagogo hospitalar.

O curso desenvolve habilidades e competências para que o pedagogo possa aplicar ações educacionais aos alunos nas classes hospitalares. Para tanto, propõe uma sólida formação humana, científica, ética e acadêmica, considerando os aspectos biológicos, cognitivos, psíquicos e sociais daqueles que se encontram em situação de vulnerabilidade de saúde.

Entre as principais questões trabalhadas no curso estão: psicologia da morte, educação emocional, jogos, material didático e aprendizagem, desenvolvimento lógico-matemático, leitura e escrita, educação inclusiva, desenvolvimento psicomotor, aspectos legais das classes hospitalares e muito mais.