Residência Médica

O Programa de Residência Médica em Medicina da Família e Comunidade é destinado aos formados em Medicina e oferece bolsas de estudo financiadas pelo Ministério da Saúde, no valor bruto mensal de R$ 3.330,43 (três mil, trezentos e trinta reais e quarenta e três centavos). O programa tem duração de dois anos em tempo integral, com carga horária de 5.760 horas, distribuídas em 1.065 horas teóricas e 4.695 horas práticas.

Acesse o edital, de Convocação de Arguição Oral.

Acesse o edital, confira e as informações.

Inscrições encerradas.

Acesse o edital, de Divulgação de Resultados.

Local para apresentação dos documentos:

Secretaria do campus Vergueiro, situado à Rua Vergueiro, 235/249.

Horário de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e aos sábados, das 8h às 12h.

 

Documentos exigidos para matrícula:

Documentação exigida: (I) Curriculum vitae atualizado; (II) uma cópia autenticada do documento de identificação (RG); (III) uma cópia autenticada do CPF; (IV) uma cópia autenticada do comprovante de residência; (V) uma cópia autenticada do título de eleitor; (VI) uma cópia autenticada do certificado de reservista (para candidatos do sexo masculino); (VII) uma cópia autenticada do diploma de graduação. No caso de não possuir diploma: uma cópia autenticada do certificado de conclusão do curso, contendo a data da colação de grau – desde que tenha, no máximo, um ano de formação; (VIII) uma cópia autenticada do histórico escolar; (IX) uma cópia autenticada da cédula profissional emitida por conselho de classe, ou ainda, de certidão provisória emitida por este órgão, desde que válida. No caso da apresentação de certidão provisória, a continuidade no Programa de Residência somente dar-se-á na apresentação da cédula profissional, a partir do primeiro dia após o término da validade da certidão; (X) No caso de candidato estrangeiro com graduação no exterior: além dos documentos elencados anteriormente, apresentar uma cópia autenticada do visto de permanência definitivo no Brasil e uma cópia autenticada do diploma de graduação, devidamente revalidado em Instituição Pública de Ensino Superior competente no Brasil, conforme legislação vigente.